28.2.13

 

Com o propósito de cultivar o interesse pela geografia mundial, outros países e outras culturas, a Dragon Force realizou no passado Sábado a quinta edição da Taça das Nações. O Destino foi a América! O continente americano, descoberto por Cristóvão Colombo em 1492, foi explorado de lés a lés por todos os alunos.  A América Central foi alvo das atenções dos alunos dos escalões de Iniciação e Básico, a América do Sul foi explorada pelos alunos do escalão Intermédio e a América do Norte recebeu a visita dos escalões Avançado e Expert. Ninguém perdeu a oportunidade de viajar com a Dragon Force pelo Mundo. 

 

link do postPor dragonforce, às 12:59 

27.2.13

A equipa de juvenis da Dragon Force venceu o SC Salgueiros 08 por 34-17, em jogo a contar para a 15.ª jornada do Campeonato Nacional - Zona 2. Com este resultado, os jovens Dragões consolidaram a segunda posição no torneio, a dois pontos do Colégio dos Carvalhos, quando faltam disputar três partidas nesta fase.

 

A formação da Dragon Force entrou forte no encontro, com uma grande atitude defensiva e de entreajuda, não permitindo muitos espaços ao adversário. Ao intervalo, a equipa orientada por Carlos Martingo já vencia por 17-6.

 

Pela Dragon Force jogaram e marcaram: Vasco Trindade (g.r.), Rui Oliveira (g.r.), Nuno Serra (2), André Lima (2), João Ramos (4), Luís Carvalho (7), Pedro Vinagre (3), Reginaldo Modenes (1), João Pimentel (8), Rui Vasques (1), Diogo Oliveira (2), Miguel Loureiro (4) e Eduardo Farinha.

link do postPor dragonforce, às 12:46 

 

A manhã de sábado ficou marcada pela realização do Torneio 4x4. O evento organizado pela Dragon Force implicava que cada aluno trouxesse três amigos e assim criasse uma equipa para participar. Viveram-se momentos de grande animação em torno do andebol. Para alguns dos participantes este foi o primeiro contacto com a modalidade e o facto de estarem na presença dos amigos já atletas da Dragon Force foi muito importante para a rápida introdução e assimilação dos conteúdos fundamentais, que permitem o desenrolar do jogo. A "prata da casa" aliou-se aos treinadores na tarefa de integrar os amigos no grupo, nos jogos e na modalidade. Toda esta entreajuda permitiu uma manhã de muito andebol, em que a boa disposição reinou quer entre os participantes quer entre os pais que assistiam, permitindo fazer desta atividade um sucesso!

link do postPor dragonforce, às 11:03 

26.2.13

Foi um jogo especial por ser o primeiro destes jovens no Campeonato Nacional. Muitos deles não tinham qualquer experiência neste tipo de competição. Jogámos contra um adversário já conhecido,  que já tínhamos defrontado no Campeonato Distrital, tendo perdido no terreno do oponente. Foi um jogo preparado ao pormenor, atendendo às características da equipa adversária e ao piso.

 

Entrámos no jogo com grande rigor defensivo e os atletas escolhidos para o cinco inicial respeitavam essas caracteristicas, executando uma pressão média numa marcação individual mais à zona. O construtor de jogo e atleta mais valioso da equipa adversária era alvo de uma marcação mais específica. Devido à nossa estratégia, o Fânzeres sentiu grandes dificuldades em encaixar no nosso modelo de jogo e em dois contra-ataques com remates de meia distância colocámo-nos em vantagem no marcador por 2 -0.  Naturalmente, houve uma reação da equipa da casa, bem conhecedora e mais adaptada ao piso, que nos foi criando algumas dificuldades. Porém, fomos mantendo o equilíbrio no jogo, sem nunca sofrer contra-ataques em inferioridade numérica. O ritmo era elevado e, atendendo a que o piso escorregava bastante o desgaste era grande,  foi necessário rodar os jogadores de forma a que todos pudessem descansar.

 

Na segunda parte, os atletas tinham indicações para continuarem a ser rigorosos em termos defensivos, saindo em contra-ataque ou prolongando o mais possível o ataque organizado. Isso originou um grande desgaste fisico e um ainda maior cansaço mental, o que nos levou a ter uma maior dificuldade em controlar o jogo e a cometer alguns erros, que foram muito bem resolvidos pelo nosso guarda-redes, que se mostrou muito seguro. O Fânzeres acabou por chegar ao 1-2 numa infelicidade de um atleta nosso, que, ao desviar um remate, enganou o nosso guarda-redes e fez um auto-golo. A partir deste momento, o jogo foi mais equilibrado e o principal objectivo passou a ser não sofrer golos. Com muito empenho e capacidade de sacrifício, conseguimos manter a diferença no marcador e vencer com toda a justiça.

 

GD Fânzeres-Dragon Force, 1-2

(0-2 ao intervalo)

Campeonato Nacional de Infantis (Zona Norte 1), 1.ª jornada

Sábado, 23 de Fevereiro

 

Pelo Dragon Force alinharam: Vasco Reis (g.r.), David Silva  (1), Nuno Fonseca, Luis Melo (1) e Nuno Ferreira (cap.). Jogaram ainda: Diogo Sousa e Carlos Dias. Não jogaram: Francisco Santos, Diogo Marques e Francisco Oliveira (g.r.).

link do postPor dragonforce, às 16:11 

 

No passado dia 14 de Fevereiro, a Dragon Force Grijó foi visitada por Dellatorre, jogador do FC Porto B. Esta acção permitiu a todos os alunos viverem uma experiência única. Para além de treinarem com um dos seus ídolos, tiveram ainda oportunidade de fazer perguntas e, claro, de receber muitos autógrafos. Esta iniciativa contou com a participação de cerca de 150 alunos.

 

link do postPor dragonforce, às 12:51 

 
subscrever feeds
blogs SAPO